Grupo Kallas | Blog | Saúde e responsabilidade - Parte 3

junix

Portal do Cliente

Blog Morar

Saúde e responsabilidade

Nosso encontro anterior foi recheado de conceitos acerca da primeira pilastra da Medicina Tradicional Chinesa: a meditação. Finalizamos com algumas perguntas então vamos explorar essas questões e em seguida colocar a mão na massa conhecendo as bases técnicas e assim dar início a essa pratica.

A pratica meditativa é feita para todo mundo?

De certa forma sim, mas devemos entender que a meditação é apenas um dos diversos meios existentes para se alcançar o estado de relaxamento e bem estar mencionados no texto anterior.

É muito importante que, assim como a pratica de atividade física, você reconheça qual método se encaixa a sua necessidade, personalidade e momento de vida. Talvez para algumas pessoas (por conta destes fatores) meditar seja uma tarefa quase impossível, normalmente esses indivíduos possuem um alto grau de agitação, necessidade de movimento e personalidade excessivamenteYang.

Dessa forma talvez caiba outra pratica que atinja esse mesmo estado através de outros métodos como as artes marciais tradicionais, meditação ativa, yoga, estudos artísticos e etc.

É fácil alcançar um bom nível?

Obviamente que a pratica e a repetição são essências para qualquer capacitação em qualquer área. Em um famoso centro de lutas no Japão um mestre de artes marciais foi indagado por seu discípulo sobre qual seria o segredo máximo para adquirir as técnicas superiores nas artes marciais, e ele replicou com uma simples e categórica resposta: Constância. Ao rompermos o laço que existe nas relações, nas práticas e nos estudos, tornamos a retomada quase impossível portanto a constância é a grande chave para manter o elo ativo e a chama viva.

Fudo "O vento que sopra constantemente".

Por que é tão difícil aquietar a mente?

Simples, somos condicionados a sermos multitarefas, não nos permitimos o correto descanso, somos constantemente bombardeados de informações que geram vigília, inclusive pelo ambiente social (país, cidade, mídia e etc), temos uma alimentação de natureza quente com frituras, pimentas, álcool, condimentos e gorduras dos fast foods. Com tantos estímulos de ação/aceleração seria estranho se não fosse assim. 

Existem técnicas que facilitam a indução meditativa?

Sim, vejamos a seguir 10 dicas de base para a meditação clássica:

- Inicie por aproximadamente 5 minutos, respeite seus limites.

- Busque um local privativo e silencioso

- Músicas meditativas ou sons da natureza podem ajudar o processo

- Postura relaxada mas ereta promovendo a conexão ten chi jin (céu, terra e homem)

- Olhos fechados ou levemente abertos mirando a 45 graus descendentes

- Mãos relaxadas apoiadas sobre as pernas ou no Mudra cósmico (posição de mão)

- Ponta da língua toca levemente o céu da boca

- Efetue ciclos respiratórios de 4x4 (4 segundos de inspiração somados a 4 de expiração)

- Respiração preferencialmente nasal vinda da região do abdome

- Não se apegue a nenhum pensamento que surja, deixe os fluir livremente

Prontinho! Agora temos todas as condições para experimentar e perceber se esse é o veículo adequado para você, caso não seja, siga buscando seu eixo de equilíbrio e lembre se sempre que grande parte do controle da sua saúde e bem estar está nas suas mãos.

Um grande abraço a todos e até breve!

 

Escrito por: Prof. Roberto de André.

Clique aqui para encontrar os demais conteúdos relacionados. 

Saúde e responsabilidade - Parte 3